Notícias

Edifício comercial exigiu que chineses usassem apenas elevador de serviço

Em meio a epidemia do novo coronavírus no mundo, um condomínio empresarial na zona Sul de São Paulo divulgou um comunicado interno em que determinava “condições para que nossos ‘irmãos’ chineses possam acessar as dependências do prédio”.

Entre as condições estava o uso obrigatório do elevador de serviço pelos chineses. Os asiáticos que trabalham no prédio também deveriam se submeter ao uso de álcool gel e máscaras cirúrgicas para que pudessem entrar no local.

De acordo com o comunicado, emitido pelo condomínio Edifício Berrini 550, no prédio há uma “empresa oriental” que tem “vários funcionários chineses”.

O texto ainda pede aos não asiáticos para que utilizem os outros elevadores, “deixando o privativo apenas para os chineses”.

A empresa a qual a administração do condomínio se refere é a Miniso Brasil, uma loja de moda e design japonesa.

No Edifício Berrini funciona um dos escritórios da Miniso, segundo informou a empresa em nota enviada à reportagem. A Miniso diz que tomou providências assim que foi informada do comunicado, que foi fixado em todos os elevadores do condomínio. A empresa diz que solicitou imediatamente à administração predial a retirada do comunicado.

Veja o que se sabe até agora sobre o novo coronavírus chinês “A Miniso Brasil não consente com qualquer tipo de preconceito e discriminação seja de cor, credo, raça ou etnia e atua sempre pelo bem-estar de todos os seus funcionários, independente de sua nacionalidade”, diz a nota da empresa.

O comunicado do edifício empresarial foi mal recebido também por parte da comunidade chinesa em São Paulo. A Ibrachina (Instituto SocioCultural Brasil-China), entidade dedicada a promover integração entre brasileiros e chineses, enviou à reportagem uma nota de repúdio após tomar conhecimento do caso.

“O Instituto SocioCultural Brasil-China vem a público manifestar repúdio a todo e qualquer tipo de discriminação contra a comunidade chinesa e asiática. O combate aos crimes de racismo e xenofobia é um compromisso de todos que defendem uma sociedade justa e igualitária. Destacamos que estes crimes são imprescritíveis e inafiançáveis”, diz o texto.

Procurada pela reportagem, a administração predial do condomínio não respondeu até a publicação.

O caso não foi o único registrado desde o início da epidemia do novo coronavírus.

Na centro da capital paulista, um outro o condomínio, o Meridian, divulgou na última semana um comunicado interno pedindo que os moradores chineses que voltaram recentemente da China procurassem “evitar contato com outras pessoas durante duas semanas”.

A medida foi tomada antes mesmo de a Embaixada da China no Brasil recomendar que cidadãos chineses que viajaram ao país fiquem em suas casas durante esse período, para impedir uma possível disseminação do coronavírus.

O comunicado havia sido escrito em português e em mandarim. “Esse foi um caso à parte, normalmente os comunicados são feitos em português”, disse Gisele Guimarães Pires, gerente responsável pelo Meridian.

O mundo assiste ao aumento no número de relatos de preconceito contra orientais. Há casos registrados no Canadá e na França, onde comunidades asiáticas criaram a hashtag #JeNeSuisPasUnVirus (eu não sou um vírus) para uso nas redes sociais.

No Brasil, o número de casos não para de crescer. Na página do Ibrachina, por exemplo, vídeos e publicações recentes estão repletos de comentários discriminatórios.

“Vocês torturam animais e querem solidariedade? Que a China se exploda! (sic)”, escreveu um usuário na área destinada a comentários de um vídeo do instituto sobre o coronavírus. Outra pessoa pede a deportação de chineses, “deveríamos deportar todos os xing ling do Brasil e cortar ralações internacionais com eles para sempre! (sic)”.

Em nota, a Ibrachina afirma que vai cooperar com as autoridades brasileiras para identificar crimes contra a comunidade asiática no país.

Não há casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Brasil. O Ministério da Saúde investiga 11 casos suspeitos da doença. Outros 18 casos que estavam sendo investigados foram descartados.

Fonte: O Tempo

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

You may also like

Leia MAis

Lilly ford escort Romantix los angeles, ca Oriental spa grand forks nd Backpage georgetown tx
Altoona pa hookers Greenville sc headhunters Local escort girls
Blackpages dallas Escort krypton
Mishawaka escorts Backpage miami male escorts Stage dolls new jersey
Bottoms up gentlemens club Putas en long island ny
Stateline arcade el paso 3109181090 Toronto erotic review
6125169009 Sex clubs in michigan Adult entertainment fort myers
Asian massage spa, fort lauderdale florida Arlington backpage tx
Call girls glen allen Massage happy ending in san jose
Couples adult novelties leominster, ma Eros minn Newtime massage Chico personals
Hilton new brunswick canada Rubmaps encino Seattle escort backpage
Www.pornhub.com mobile Phoenix incall massage Shemales in grand rapids
7 479 995 308 Gentlemen clubs in tampa
Find someone to fuck near me 3106929165 Black transexual pictures Swingers clubs in texas
Winston salem milf Richardson massage
Back page billings mt Saginaw michigan backpage Massage 49
Oklahoma city rub Salem,oregon backpage 7028450878
Topless cabaret Escorts in jacksonville, fl
Long island ny escort Club xtra ft.lauderdale
Tex mex gentlemens club 3102923793
Trany dating Sex massage xuhui 2019 Mexico scorts
Escort praxilla out of the shrine Paradise fountain syracuse ny Dominatrix girlfriend
Massage parlor in atlanta Best sexy ass
Gfe escort nnj Ford escort mark 2 Massage green utica
Escort at singapore price Seattle escort sites Live escorts tampa
Sexi tijuana com Chattanooga independent escort Backpage floresville tx
Bath house fort lauderdale fl Sex shop u street washington dc Swingers clubs reno nv Ebony tranny list
Club dallas bath house Strip clubs in hammond la
Greenville ms classifieds Brownsville texas escorts Asian massage green bay Backpage central
Ithaca backpages Asian massage springfield va Sex massage room
Prostate milking san diego Black page oc Dinah mite Backpage com south bend
Massage in brainerd mn 12" in asian pussy
Backpage fort lauderdale com Trannys in houston Craiglist clovis nm Gilroy massage
Canton backpage massage Adult search new orleans Lingerie concord Chicago exclusive escorts
Naughty asian massage Blonde bbw
Listcrawler myrtle beach Sensual massage wisconsin Escorts in waco tx
Mcdonalds keeaumoku Speacia Macau escort
Adult stores with glory holes Carmen ts Backpage freehold
Alligator alley 247 Sakura massage san diego Atlanta escort female
Pussy for girls Gay bath san antonio Seattle gay escort Malibu san antonio tx
Pocatello escorts New delhi strip club
Hilton san marcos tx Escorts in st pete fl 7796012298 Massage tri cities tn
Cityxguuide Barrie personals
Williamsburg va escorts 3007 s dairy ashford houston tx Wet n wild specials Nyc backpage massage
Escort dating services Cherry girl escorts Vanitymariexo Mnl courtesans
Escort reviews san jose Onebackpage
Renton wa escorts Craiglist bellingham Sex massage india 2019
Call girls wichita ks Juneau empire classified ads Chubby aunt sex massage
Fbsm houston Uu massage White pages denver metro
Gastonia classifieds Onlyfans ts
Sexy older japanese women Gay massage south florida
Tantra massage new york Backpage ts denver
Hot black escort northern Stateline showgirls post falls id
Hicksville massage Masajes san diego california
Big girls little pussy Women getting erotic massage
Llebar Idaho escort Www.columbusbackpage.com